Volta para página inicial Conheça o Monza Clube do Brasil Participe do Clube Confira a agenda do Monza Clube Mapa do site A maior montadora do país Um marco na indústria automobilística Parceiros do Monza Clube Shopping Fale Conosco
 
Clique aqui para voltar à página inicial do SOS Auto
..

Os esclarecimentos abaixo são referentes à "Painel Analógico"

 
S.O.S. publicado em: 06/06/2007

Enviado por: Emerson Giometti (Rio Claro, SP)

Características do carro: Monza GL 2.0 EFI, 1992, gasolina

Dúvida: o marcador de combustível do meu carro fica oscilando conforme o veículo está em movimento.

Resposta do consultor técnico Carlos Freire: Emerson, devido as características do tanque do Monza, se o nível de combustível estiver abaixo de 1/4 o marcador ficará oscilando muito com o veículo em movimento. O tanque do Monza é comprido e baixo e se tiver pouco combustível ficará circulando conforme o movimento do veículo e o marcador do painel deixa de ter precisão. Com o tanque cheio ou acima de 3/4, isso não deve ocorrer. Isso não é característica apenas do Monza, mas de todos os veículos da mesma época, que possuem tanque de combustível grande. No veículo atuais a bóia fica dentro de um "caneco", com um furo embaixo, que minimiza o sintoma, pois nesta condição o combustível existente no "caneco" demora a descer quando o veículo está em movimento. No seu caso, se quiser diminuir a sensibilidade do instrumento, basta colocar em paralelo com o marcador um condensador eletrolítico de 3300mF/25v. Fale com seu eletricista de confiança ou evite andar com menos de 1/4 de combustível no tanque.

S.O.S. publicado em: 11/04/2002

Enviado por: Antonio Araujo da Fonseca (Rio de Janeiro, RJ)

Características do carro: Monza SL/E 1.8, 1984, álcool

Dúvida: tenho instalado em meu Monza o painel de instrumentos do modelo 85 mas, depois de trocar por quatro vezes o cabo do velocímetro, o mesmo continua a quebrar próximo ao relógio.

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: Antonio, isso é muito simples: o problema é que o cabo do velocímetro foi colocado em posição errada. Quando ele passa pela parede corta fogo, o mesmo sai entre o pedal do freio e o de embreagem. Procure posicioná-lo à esquerda e, para isso, é necessário forçar um pouco o módulo condutor de ar, subindo direto ao painel. Atrás do painel existem duas colunas. Faça com que o cabo passe também pela esquerda. É normal que os mecânicos instalem o cabo no meio das colunas e, quando se encaixa o painel, o cabo passa a trabalhar forçado e, consequentemente, provocando a sua quebra.

S.O.S. publicado em: 18/01/2001

Enviado por: Vladimir Rogério Raupp (Sapucaia do Sul, RS)

Características do carro: Monza SL/E 1.8, 1990, gasolina

Dúvida: no painel do meu Monza existe o controle de consumo, que funciona quando quer. O que posso fazer para solucionar o problema?

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: creio que você esteja se referindo ao vacuômetro. Ele é apenas um indicador de vácuo pois, para se dirigir de forma mais econômica possível, será quando você obter o maior vácuo. Observe se a mangueira de vácuo, que está ligada ao coletor de admissão, não tem rupturas ou entupimento e, também, que o tubo de entrada do "relógio" também esteja livre. Caso essas observação não resolvam, procure uma oficina especializada em painéis para promover o reparo do instrumento.

S.O.S. publicado em: 13/04/2000
Enviado por: Antonio de Pádua Carvalho Galvão (Recife, PE)
Características do carro: Monza GL 2.0 EFI, 1995, gasolina

Dúvida: estou querendo trocar o painel pelo do modelo do GLS. Gostaria de saber quais os cuidados e as adaptações que serão necessárias, pois existem diferenciações nas ligações elétricas do mesmo.

Resposta do consultor técnico Luiz Yoshimura: para se adaptar o painel do GLS é necessário fazer algumas instalações adicionais, justamente pelo fato de o painel ser mais completo. Para a ligação do vacuômetro, instalar uma mangueira de vácuo no pé do corpo de borboleta da injeção eletrônica. Para o funcionamento do tacômetro (RPM), já existe o terminal (verde) que fica no compartimento do motor e está ligado no chicote da bobina de ignição através do conector cinza e, para o funcionamento do voltímetro, efetuar a ligação do sinal (+) positivo do alternador. Observar que tal serviço requer um mínimo de conhecimento e muita paciência e não seria demais pensar em entregar tal serviço a um profissional qualificado.

 
Volta para página inicial Conheça o Monza Clube do Brasil Participe do Clube Confira a agenda do Monza Clube Mapa do site A maior montadora do país Um marco na indústria automobilística Parceiros do Monza Clube Shopping Fale Conosco

Monza Clube do Brasil - Todos os direitos reservados